sábado, maio 31, 2014

Curta-metragem

É raro um videoclipe ser uma obra de arte. Isso acontece quando o artista consegue levar a sua arte para a vida real de cada pessoa que compõe a sua plateia. Pois a arte, quando comunica bem o viver e o sentir, provoca, no público, reflexões.

Justin Timberlake acabou lançando um curta-metragem realista a partir de uma letra que vestiria bem um clipe clichê. Me surpreendi. "Mirrors" tem uma poesia não muito frequente na música pop. A canção e o clipe são complementares. Constituem uma intertextualidade bastante construtiva. Se ainda não assistiram, recomendo a experiência.